Fundo Social estima arrecadar 200 mil peças com a Campanha do Agasalho deste ano

0
45

Edição 2018 foi lançada pela Prefeitura de Suzano nesta terça-feira (10/04) em solenidade no Teatro Municipal Dr. Armando de Ré

O Fundo Social de Solidariedade de Suzano promoveu na tarde desta terça-feira (10/04), no Teatro Municipal Dr. Armando de Ré, o lançamento da Campanha do Agasalho 2018, com o tema “Sua Solidariedade Aquece Corações”. A meta do órgão municipal é arrecadar 200 mil peças neste ano, 40 mil a mais do que o registrado na edição de 2017.

Participaram da solenidade o prefeito Rodrigo Ashiuchi, a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Larissa Ashiuchi, secretários municipais, vereadores, representantes de entidades sociais, integrantes do Tiro de Guerra e da Guarda Mirim de Suzano e voluntários.

Após uma breve apresentação dos dados da campanha realizada em 2017 (quando foram angariados 160 mil roupas e cobertores), foi apresentada a nova meta para este ano, que é de arrecadar 200 mil peças. Todas serão distribuídas para mais de 7 mil famílias cadastradas em 96 entidades conveniadas.

A campanha terá seu início na prática nesta quarta-feira (11/04), com a realização da primeira etapa de panfletagem e conscientização nas regiões da Casa Branca e do Jardim Imperador, para que as peças possam ser coletadas no próximo sábado (14/04) por atiradores do Tiro de Guerra, integrantes da Guarda Mirim e voluntários.

A primeira doação foi realizada pela Associação Cultural Chinesa, que contribuiu com 200 itens. A partir da coleta de roupas e cobertores doados, será realizada a etapa de triagem, para a composição do “Bazar Social”, que consiste na exposição das peças em cabides e araras para escolha das pessoas beneficiadas e que neste ano ocorrerá em 45 oportunidades. A iniciativa segue até o mês de julho.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade reforçou que o modelo vigente da Campanha do Agasalho, implantado em 2017 com o “Bazar Social”, traz respeito e dignidade às famílias participantes. Ela também reforçou a importância do engajamento de toda a comunidade. “Não é simplesmente uma doação; representa o trabalho e a atenção de todos os envolvidos. Precisamos que levem esta mensagem aos seus amigos e parentes, e vamos aquecer corações”, exortou Larissa.

O prefeito destacou a necessidade de união das famílias e da sociedade civil em torno da Campanha do Agasalho, que traz um fator de humanização ao município. “Temos que mudar o espírito desta cidade, que pertence a todos, e vamos superar a meta e a nossa vontade de fazer uma cidade melhor, que se reconstrói e tem um abraço amigo”, afirmou Ashiuchi.

Mais informações sobre doações à Campanha do Agasalho 2018 em Suzano podem ser obtidas por meio do telefone (11) 4745-2195 ou na sede do Fundo Social de Solidariedade, localizado no Paço Municipal (rua Baruel, 501, sala 224, no centro).

Solenidade

Ao lado do prefeito e da primeira-dama, participaram da solenidade no palco o secretário de Assistência e Desenvolvimento Social, Fátimo Aparecido Rodrigues; a diretora do Fundo Social de Solidariedade Sueli Eguchi; o vice-presidente da Câmara de Suzano, vereador Rogério Gomes do Nascimento; os subtenentes Márcio Biscaglia Vieira e Erivaldo de Oliveira Sales, comandantes do Tiro de Guerra de Suzano; Eduardo Afonso e Zemicindo Mendes, diretores da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp); o diretor da Guarda Mirim de Suzano, Natal José Francisco; o representante da Associação Cultural Chinesa Tung Yun Wu; e o coronel da Polícia Militar Ronaldo Gonçalves Faro, responsável pelo Comando de Policiamento de Área Metropolitana 12 (CPA/M-12).

Também acompanharam a cerimônia os vereadores Gerice Lione, Neusa Oliveira dos Santos e Marcos Antonio dos Santos; os secretários municipais Geraldo Garippo (Cultura), Afrânio Evaristo da Silva (Chefia de Gabinete), Carlos Watanabe (Meio Ambiente), Cintia Renata Lira (Administração), Elvis José Vieira (Planejamento Urbano e Habitação), Leandro Bassini (Educação), Luis Cláudio Guillaumon (Saúde) e Marcelo Prado de Almeida (Comunicação Pública); e representantes de entidades de vários bairros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui