Prefeitura de Itaquá faz vistorias em casas e comércios para combater a Dengue

0
26

Em Itaquaquecetuba, a Prefeitura tem ampliado as ações de combate ao mosquito Aedes Aegypti. Neste sábado (04 de março) pelo menos 14 equipes de agentes comunitários de saúde estarão espalhadas pelo município realizando visitas de casa em casa e nos comércios da cidade. O trabalho tem o objetivo de orientar a população sobre os riscos de deixar água parada, sobretudo eliminar possíveis criadouros do inseto, que atualmente é responsável pela transmissão de doenças como dengue, chikungunya, zika e febre amarela.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde a mobilização será feita entre às 9h e 13h. Na oportunidade, os agentes de saúde distribuirão panfletos, farão orientações e devem verificar a existência de criadouros do mosquito.

As ações casa a casa foram retomadas no dia 4 de fevereiro em Itaquaquecetuba. Desde então aproximadamente 12 mil imóveis já foram visitados. As vistorias são promovidas pela pasta todos os sábados e devem se estender até o final do mês de abril. É importante destacar que durante as visitas todos os agentes estão identificados com camisetas e crachás.

Além disso, a Secretaria de Saúde também tem promovido diversas palestras e oficinas educativas nas escolas, nos seis Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), bem como encontros com lideranças comunitárias para falar sobre o assunto.

Em 2016, o município de Itaquaquecetuba registrou a suspeita 578 casos de dengue, no período de janeiro a dezembro. Desse total: 140 casos foram confirmados como autóctone (quando a contaminação acontece dentro do município) e 4 foram registrados como importados.  Este ano não foi confirmado nenhum caso de dengue no município.

“Graças à ampliação do nosso trabalho com as vistorias casa a casa e a contratação dos agentes comunitários de saúde, que receberam capacitação e estão desenvolvendo um excelente trabalho no combate ao Aedes, nós conseguimos reduzir em pouco mais de 90% os casos de dengue do nosso município em relação a 2015. Este ano estamos reforçando ainda mais este trabalho. A nossa intenção é evitar que a população sofra com novos casos de dengue ou de outras doenças que podem ser transmitidas pelo mosquito”, afirmou o prefeito de Itaquaquecetuba, Dr. Mamoru Nakashima.

Segundo a Secretaria de Saúde o apoio e a participação da população no combate ao Aedes são fundamentais. Para isso medidas simples devem ser adotadas no dia a dia, como por exemplo, lavar diariamente com bucha e sabão os recipientes de água dos animais; colocar areia nos pratinhos dos vasos ou então lavar pelo menos uma vez por semana os mesmos; manter a caixa d’água e ralos tampados, deixar as garrafas viradas para baixo, ou seja, impedir qualquer acúmulo de água parada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui