Suzano // Grupo Técnico de Apoio do Plano Diretor promove reunião para ampliar diálogo sobre macrozonas

Objetivo da atividade foi acolher e integrar opiniões de cada entidade que faz parte do GTA quanto às projeções técnicas das localidades de Suzano-SP que têm características peculiares, levando também em consideração os aspectos socioeconômicos,...

264 0

Objetivo da atividade foi acolher e integrar opiniões de cada entidade que faz parte do GTA quanto às projeções técnicas das localidades de Suzano-SP que têm características peculiares, levando também em consideração os aspectos socioeconômicos, paisagísticos e/ou ambientais; proposta deve ser encaminhada ao Poder Legislativo para votação até agosto deste ano

O Grupo Técnico de Apoio (GTA) do Plano Diretor de Suzano-SP (2018-2027) promoveu na manhã desta sexta-feira (21 de julho) uma reunião extraordinária acerca da elaboração do documento. O encontro foi abrigado na Secretaria Municipal de Planejamento, no Centro Unificado de Serviços, o Centrus (rua Paulo Portela, 210 – centro). O colegiado, formado por representantes da sociedade civil organizada e do Poder Executivo suzanense, ampliou, na oportunidade, os debates sobre as macrozonas da cidade.

O objetivo da atividade foi acolher e integrar as opiniões de cada entidade que faz parte do GTA quanto às projeções técnicas das localidades de Suzano que têm características peculiares, levando também em consideração os aspectos socioeconômicos, paisagísticos e/ou ambientais. Na oportunidade, foram discutidas as possibilidades de crescimento do município administrado pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi, a partir o Plano Diretor, bem como sobre suas limitações e potencialidades.

A reunião de hoje ainda foi marcada pela abordagem aos diálogos já fundamentados em encontros anteriores, que contemplam as diretrizes de desenvolvimento da cidade, por meio de quatro eixos: “Trabalhar e Consumir”, com foco na geração de emprego e no acesso ao consumo; “Morar e Desfrutar”, voltado à qualidade de vida; “Preservar e Produzir”, destinado à questão ambiental e à agricultura; e “Integrar e Equilibrar”.

As próximas assembléias ordinárias do Plano Diretor vão tratar de temas diversos, como a proposta geral do macrozoneamento, zonas especiais, minuta do projeto de lei e o fechamento da proposta, que será encaminhada ao Poder Legislativo para votação até agosto deste ano.

Segundo o secretário municipal de Planejamento Urbano e Habitação, o arquiteto Elvis José Vieira, o trabalho de elaboração do Plano Diretor também conta com a colaboração da Secretaria Municipal de Governo, que concede atualmente apoio logístico para a realização das reuniões do Plano Plurianual Participativo (PPA) 2017/2021:

“O Plano Diretor deve ser levado em consideração no planejamento de todas as cidades, por determinação da Constituição Federal e do Estatuto das Cidades. O trabalho realizado em conjunto entre os representantes da sociedade civil organizada e do poder público demonstra nosso (governo) compromisso em fazer deste material o mais fiel aos anseios da sociedade”, complementa o gestor.

O membro do primeiro escalão suzanense ainda lembra que Suzano está tendo a “rara oportunidade” de construir o Plano Diretor concomitantemente com o PPA, a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual (LOA):

“Essa fase de discussões de temas importantes, como o de macrozoneamento, por exemplo, é fundamental para estabelecermos uma visão de futuro ao desenvolvimento econômico e social da cidade como um todo. Desta forma, todo trabalho em conjunto favorece a elaboração do documento”, observa Vieira.


Participe da conversa