Itaquaquecetuba recebe Circuito Sesc e oferece cultura e lazer de graça na Praça

0
100

Mais uma vez a Praça Padre João Álvares será palco para as intervenções culturais do Circuito Sesc de Artes que este ano retorna à Itaquaquecetuba com um roteiro diferenciado para o município, incluindo música, cinema, circo e oficinas. A programação para o dia 6 de abril conta com atividades das 16h às 21h30, totalmente gratuitas e abertas para a população. O evento é uma realização do Sesc São Paulo em parceria com a Prefeitura de Itaquaquecetuba, por meio da Secretaria Municipal de Cultura.

De acordo os organizadores, o circuito tem como objetivo estimular a circulação e a difusão de trabalhos artísticos, inspirar diversos usos para os espaços públicos e ampliar as possibilidades de convivência. Este ano, a cidade receberá o roteiro 8.

O Cinema em Realidade Virtual trata-se de uma Parceria com a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, onde o público é convidado a experimentar a tecnologia imersiva da VR (“virtual reality”/realidade virtual), que vem abrindo possibilidades de linguagens de cinema e formas de contar histórias.

Na oficina de artes visuais “Corte, Recorte, Serigrafe”, com Augusto Sampaio, os participantes são convidados a produzir uma tiragem de cartazes impressos em serigrafia, com figuras desenhadas e recortadas, que serão usadas como estêncil para a impressão.

Haverá ainda muita música com o DJ Nato PK (SP) que tem mais de 21 anos de carreira. O DJ Nato PK integra o coletivo e selo Pau-de-Dá-em-Doido e a crew de Djs Só Disco Salva. Seus sets, normalmente feitos com vinis, são focados nas vertentes do rap brasileiro.

Tem também Max B.O (SP), com mais de 20 anos de carreira, o MC, rapper, apresentador e mestre do freestyle está divulgando seu mais recente álbum, “O.M.M.M.”, primeiro trabalho de inéditas desde 2013.

A programação abre espaço para o Experimento Circo, com o Circo Amarillo (SP), onde dois personagens excêntricos constroem um jogo alternando números circenses tradicionais e contemporâneos, mesclando humor, música ao vivo e interação com o público.

O Coletivo Lobas convida às famílias para o despertar do olhar e do riso por meio de cantigas, brincadeiras e mediação de leitura.

Já o Grupo Manjarra e Cia. Mundu Rodá traz muita dança com o “Sambada de Reis” através de um cortejo musical com figuras mascaradas que tocam instrumentos, dançam e brincam com o público, mantendo viva a tradição da Dança do Cavalo Marinho Pernambucano.

Entre as atrações tem Clarice Lima & Gente Fina, Elegante com “Bicho Solto”, uma

intervenção coreográfica para crianças, pensada para espaços abertos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui