Início Arujá Polícia Militar prende quatro e recupera cerca de R$ 98 mil roubados...

Polícia Militar prende quatro e recupera cerca de R$ 98 mil roubados de empresa

0
64

O roubo ao motorista de uma fábrica de fraldas, em Santa Isabel, terminou com a prisão pela PM de duas pessoas em Arujá e duas em Santa Isabel. Outros quatro homens, que são funcionários da empresa também estão sendo investigados, embora não tenham sido detidos. A Polícia devolveu à empresa R$ 68 mil em dinheiro e R$ 30 mil em cheques pré-datados que estavam escondidos na casa de um dos envolvidos.

Dentro de um veículo Focus preto, que estava estacionado em frente de um Lava Rápido em Arujá, policiais da 3ª Cia abordaram dois dos acusados. A placa do Focus havia sido passada à Polícia Militar via Copom como o veículo utilizado por três homens que abordaram a vítima V.C.M, motorista da Carlini Fraldas, empresa localizada em Santa Isabel e efetuado o roubo.

Os dois homens localizados no carro foram identificados como N.J.M.N e W.B.N.B. Não havia nada de ilícito dentro do carro a não ser um RG que foi encontrado em nome de A.A.B.C. Quando o motorista foi questionado sobre o RG, acabou confessando que o roubo teria sido arquitetado por dois funcionários da empresa R.CA e D.S.O e que o roteiro que deviam seguir foi traçado na casa de outro participante do roubo, que foi identificado como H.C.R  e que reside em Arujá, na Rua Siqueira Campos.

Os PMs fizeram campana em frente a casa e detiveram H.C.R quando ele descia de um Uber. Logo ele entregou o comparsa que estava escondendo o dinheiro em casa. M.T., residente na Rua 92, no Parque Rodrigo Barreto, vendo que foram descobertos, confessou que o dinheiro, cheques e o simulacro de arma de fogo usados no roubo estavam embaixo da máquina de lavar.

Levados para a Delegacia de Polícia de Santa Isabel, a vítima reconheceu H.C.R como o homem que estava com a arma e o ameaçou para entregar o dinheiro. O primeiro dirigiu o carro e o outro participou esquecendo o RG no veículo de fuga. O quarto estava com o dinheiro do roubo guardado em casa. Estes portanto, foram logo indiciados por roubo qualificado, sendo que os quatro apontados como mentores já foram ouvidos, estão sendo investigados e podem ser presos. O dinheiro recuperado foi devolvido à proprietária da fábrica.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui