Semana Monteiro Lobato reflete sobre o lixo e atrai 1.250 crianças

0
47
O descarte ilegal de lixo foi o tema central da 14ª Semana Monteiro Lobato da Biblioteca Municipal Alda Martins Soncini. Encerrada nesta quinta-feira (18/04), ela levou reflexões a respeito do cuidado com o meio ambiente para 1.250 crianças da rede municipal de ensino.
Com a peça “A Fórmula Secreta do Visconde”, a Cia. Toa de Teatro levou Emília, Pedrinho, Narizinho, Dona Benta, o sabugo de milho mais inteligente do mundo, a bruxa Cuca e todo o universo do Sítio do Picapau Amarelo para dentro da unidade da Secretaria de Cultura e Turismo, ao longo de toda a semana.
Danos causados ao meio ambiente e à saúde foram assuntos tratados na peça teatral, assim como a necessidade de combate a um dos principais transmissores de doença no Brasil neste ano: o mosquito Aedes aegypti (dengue, chikungnuya e zika).
“A Semana é feita para aproximar os estudantes dos livros e homenagear Monteiro Lobato. Além de mostrar um pouco do trabalho dos diretores e atores que atuam nas peças gratuitamente, sempre traz assuntos importantes por acreditar no potencial das crianças como multiplicadores de conhecimento, inclusive dentro de casa”, explica a bibliotecária Dalva Sabino.
Nesta edição, participaram crianças de 20 escolas municipais, entre as quais Cecília Caraça Mineiro Coutinho, Bairro da Penhinha, Amadeu de Angelis, além da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE).
Presente nesta quinta-feira, o diretor-geral da Prefeitura e responsável pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, Joncy José da Silva Filho, ressaltou a importância das reflexões propostas na Semana Monteiro Lobato.
“São assuntos do nosso dia a dia e as crianças absorvem tudo com muita naturalidade. Todos os atores, equipe técnica e direção da peça teatral, assim como a equipe da Biblioteca, estão de parabéns por mais uma excelente Semana Monteiro Lobato”, disse.
Multa
O descarte irregular do lixo é um crime ambiental (Lei Federal Lei 9.605/1998). Em Arujá, mesmo rendendo multa que ultrapassa os R$ 3 mil, é um problema enfrentado constantemente pelas Secretarias de Meio Ambiente e Serviços.
Monteiro Lobato
Monteiro Lobato foi um escritor e editor brasileiro. Metade de suas obras é formada de literatura infantil, além de ser um dos primeiros autores nesta área da literatura no Brasil e de toda América Latina.
“O Sítio do Pica-pau Amarelo” é sua obra de maior destaque, nela se sobressai o carismático personagem Visconde Sabugosa, um boneco feito de sabugo de milho, cuja sabedoria foi adquirida por meio de livros.
O universo retratado em suas obras são os vilarejos decadentes e a população do Vale do Paraíba, nos períodos da crise do café. Seus personagens, caricatos e cativantes, contagiam crianças e pessoas de todas as idades. A leitura de seus livros é considerada de grande importância nas grades curriculares da educação no País.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui